Polícia Civil evita roubo a imóvel e prende trio por associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), sob o comando do delegado Guilherme Torres, diretor da unidade policial, prendeu em flagrante, na tarde desta terça-feira (16), às 14h30, na rua Mariuá, bairro Cidade Nova, zona norte, Felipe da Silva Batista, 23; Kenelton Ribeiro de Queiroz, 26, e Renan Souza da Costa, 20, por associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

De acordo com a autoridade policial, a equipe do DRCO recebeu denúncia anônima, informando que os infratores pretendiam roubar um imóvel na rua Mariuá e estavam a caminho do local. “Logo após a delação, feita na tarde de hoje, nos deslocamos até o endereço indicado e montamos campana. Assim que avistamos no lugar um veículo com ocupantes em atitude suspeita, resolvemos fazer a abordagem”, explicou Torres.

Com os infratores, os policiais civis encontraram um revólver calibre 38 e seis munições intactas. O carro que eles estavam, de cor prata, modelo Prisma, da montadora Chevrolet, foi apreendido. Conduzidos à base do DRCO, nas dependências da Delegacia Geral, Felipe, Kenelton e Renan confirmaram, em depoimento, que pretendiam cometer o roubo, frustrado pela ação dos policiais civis.

Felipe, Kenelton e Renan foram autuados em flagrante por associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Após os procedimentos cabíveis no DRCO, eles serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona sul.

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: