32 C
Manaus
Manaus, 16 de outubro de 2018

Documento que delegado assinou chama atenção pelo ‘aviso’ | Amazonas lidera em irregularidades de verbas públicas | SSP-AM ameaça suspender salários de PM’s da ALE-AM | Saiba mais!

Alerta

Um documento divulgado nas redes sociais e assinado pelo delegado Gustavo Sotero, mostra que bebida e porte de arma ‘não combinam’. O documento em questão, foi assinado pelo delegado antes de ele entrar na casa noturna Porão do Alemão na madrugada do último sábado. O texto no documento ‘alertava’ ao Delegado dizendo que “ARMA FOI FEITO PARA MATAR”. O delegado portava uma pistola PT.40, da Polícia Civil, com 15 munições, e cerca de duas horas após sua entrada na casa, ele dispararia quatro tiros dentro do estabelecimento à queima roupa, ferindo três pessoas e deixando uma assassinada.

Íntegra

Confira na íntegra:

“Como agente público declaro ao segurança deste estabelecimento que estou entrando armado, assumindo todas as responsabilidades civil e criminal sobre todo e qualquer fato que eu venha a me envolver dentro deste estabelecimento todos os prejuízos materiais, morais e criminais são de inteira responsabilidade minha. Ressaltou que sou conhecedor da legislação em vigor que é o ESTATUTO DO DESARMAMENTO. A Empresa ESP. Segurança orienta que ARMA é pior que carro não combina com bebida, droga e medicamentos controlados. (CARRO FOI FEITO PARA NOSSA LOCOMOÇÃO E ARMA FOI FEITO PARA MATAR).

Aumento

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) determinou a expedição de mandado de intimação e citação, em decisão interlocutória, neste domingo (26) aumentando para R$ 100 mil ao dia a multa, caso os profissionais do Instituto de Traumato Ortopedia do Amazonas (ITOAM) não retornem imediatamente ao trabalho, nas unidades de saúde do Estado. A decisão determinou, ainda, a prisão do diretor presidente da empresa, Rafael Jacob Benoliel, e aos demais membros da direção do instituto. A medida é um endurecimento da decisão expedida pelo TJ no último sábado (25).

Liderança

O Ministério do Planejamento divulgou no site do Painel de Transferências Abertas que o Amazonas lidera em irregularidades de aplicação de verba pública em convênios, contratos e parcerias com o governo federal. A liderança negativa seria no valor, de R$ 153,6 milhões, relacionado a um convênio de R$ 107 milhões firmado com o governo estadual para obras de acesso à Zona Franca de Manaus (ZFM) em 2012.

Queixas

O convênio foi rescindido três anos depois porque o Governo do Amazonas se queixou da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) de ter sido ausente na execução do recurso. Além disso, o Ministério Público Federal (MPF) deu parecer contrário ao projeto de revitalização de áreas já construídas e pelo aumento acima de 25% dos preços do contrato.

Suspensão

O vice-governador e secretário de Segurança Pública do Estado (SSP-AM), Bosco Saraiva (PSDB), ameaçou suspender o salário do mês de dezembro dos 72 policiais militares que estão à disposição da ALE-AM, caso a presidência da Casa continue burlando a legislação e mantendo em seus quadros o excedente que seria de 32 PMs.

Sem resposta

A decisão vem após a SSP-AM ter encaminhado ofício ao presidente da ALE-AM, deputado David Almeida (PSD), requerendo a imediata apresentação do quantitativo excedente à Polícia Militar, em razão da “necessidade de pessoal especializado a ser empregado na atividade fim daquela corporação”. Até o momento, segundo Bosco, David seguiria ‘em silêncio’ sobre o pedido.

Folha Ambiental

O prefeito Arthur Neto (PSDB) abriu nesta segunda-feira (27) o evento de repercussão nacional “O Futuro da Amazônia” realizado no Teatro Manauara. O evento é promovido pelo Jornal Folha de São Paulo e reúne especialistas renomados para o debate de temas como turismo, desafios da área urbana, do modelo socioeconômico da Zona Franca de Manaus (ZFM), empreendedorismo e extrativismo sustentável. À tarde, Arthur participa da mesa redonda sobre o balanço dos 50 anos do modelo Zona Franca. O evento ainda tem o patrocínio da Manaus Ambiental e Manaus Luz. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas em eventos.folha.com.br.

Notícias Relacionadas

Governador define ações para Barcelos | Cargos de diretoria já estariam ameaçados | Campanhas antecipadas poderão ser multadas | Saiba mais!

Redator Tucumã

Base aliada de Amazonino é a menor | David antecipa volta de ‘férias’ | Secretário quer ‘Ronda no Bairro’ de volta | Saiba mais!

Redator Tucumã

Amazonino não esquece do interior | Lava Jato à caminho do Amazonas? | Rebecca ainda segue indecisa |  Saiba mais!

Redator Tucumã
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
%d blogueiros gostam disto: