Desembargadora do AM processa Rede Globo

A desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Maria das Graças Figueiredo, entrou com uma ação contra a Rede Globo.

Ela alega que teve o nome citado indevidamente em uma reportagem do programa ‘Fantástico’, que denunciou tratamentos de saúde pagos pelo Governo do Amazonas.

A ação já foi distribuída e vai tramitar junto a 14ª Vara Civel e de Acidentes de Trabalho. Na ação, Graça Figueiredo pede uma indenização de R$ 500 mil reais e se defende dizendo que nada teve a ver com as despesas pagas pela internação de um sobrinho e não pode responder apenas pelo fato do sobrenome do paciente ser igual.

“Li o inquérito todo sobre esta denúncia e em nenhum momento o meu nome é citado. A ligação na reportagem foi feita por causa do sobrenome. Eu não tive nada a ver com isso”, afirma a desembargadora.

Veja a matéria exibida pelo canal clicando aqui

 

Graça Figueiredo

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: