32.5 C
Manaus
Manaus, 23 de outubro de 2018

Wilson Lima explica que não tentou suspender pagamento de abono a professores

O corpo jurídico da coligação Transformação por um Novo Amazonas, que representa a candidatura de Wilson Lima (PSC) ao governo do Estado, entrou, nesta terça-feira (9), com ação contestando o uso político do abono aos professores e pedagogos da rede estadual de ensino por parte do candidato Amazonino Mendes (PDT). Em nota distribuída à imprensa, a coligação explica que não há, em nenhum momento, o pedido de suspensão do pagamento do benefício como noticiado por alguns portais e distribuido com link “pegadinha” por whatsapp.

“Não sou contra um direito duramente conquistado pelo trabalhador. Os profissionais da educação merecem o abono. Mas o que questionamos, além do uso político, é o fato de que o governo já tinha recursos em caixa e poderia ter creditado na conta dos servidores antes do período eleitoral”, criticou Wilson Lima.

Notícias Relacionadas

Jocione e Raiz tomam posse em novo Aripuanã

Celso

Saiba como funcionará a Lei Seca no período de eleições no Amazonas

Nadia Saldanha

Inscrições para nova turma de Cuidador de Idosos começam nesta semana; Confira:

Redator Tucumã
%d blogueiros gostam disto: