TJAM nega o recurso da ALE-AM que ‘tentava adiar’ posse de Amazonino

Por unanimidade, os desembargadores do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) decidiram sustentar a medida liminar para que a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas dê posse ao governador eleito na eleição suplementar, Amazonino Mendes (PDT) até as 14h desta quarta-feira (4).

Na terça-feira (3), o desembargador Djalma Martins, concedeu a liminar, onde determinou a posse de Amazonino e seu vice. A determinação foi tomada em mandado de segurança impetrado por Amazonino e o vice-governador, Bosco Saraiva (PSDB), contra o presidente da Casa, Abdala Fraxe. O notificação oficial foi entregue nesta terça-feira, às 16h, ao presidente da ALE.

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado, entrou com Agravo Interno com Pedido de Reconsideração, que foi negado pelos desembargadores.

A posse do governador Amazonino Mendes e o seu vice Bosco Saraiva está confirmada para as 11h, no Plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE). A informação foi dada pela Diretoria de Comunicação da Legislativa.

A diretoria informou ainda que a posse será simples e rápida, e após a solenidade o governador e seus aliados seguirão para a Sede do Governo para dar posse aos novos secretários de Estado.

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: