Praciano já conseguiu mais de $3 mil em ‘vaquinha eletrônica’

O ex-deputado Francisco Praciano (PT) conseguiu arrecadar desde o dia 11de junho, o valor de R$ 3.880,00 doados por 21 pessoas em uma vaquinha eletrônica, cujo objetivo é pagar uma multa de R$ 30 mil, aplicada a ele pela Justiça Eleitoral em 2014.

A multa foi aplicada devido a utilização ilegal de uma foto da filha do então concorrente Omar Aziz (PSD), sem a tarja que a descaracterizasse, como manda a lei.

O valor já seria suficiente para pedir o parcelamento da dívida. Ele serviria como entrada

“Quando apresentei denúncias num programa eleitoral, faço com base em provas e documentos. Na eleição de 2014, num programa eleitoral, apresentei, como possível prova da veracidade da denúncia, a fotografia da ex-primeira dama e mais a declaração da Infraero que demonstrava os voos do avião do governo a ilha San Martín do Caribe, possivelmente a passeio dado que se trata de uma ilha conhecida de luxo e cassinos”, explica Praciano.

Não foi a denúncia em si que originou a multa e sim a imagem da menina.

Praciano pretende disputar uma das duas vagas no Senado, abertas neste ano.

Para isso, precisa estar em dia com a Justiça Eleitoral.

Em 2014, ele foi candidato a senador, e após ter uma votação significativa, terminou em segundo lugar. Omar Aziz foi eleito.

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: