Manaus registra 43 novos casos confirmados de sarampo

O 21º Informativo Epidemiológico de Monitoramento dos Casos de Sarampo, divulgado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), nesta segunda-feira, 30/7, mostra que Manaus registrou, no período de uma semana, 43 novos casos confirmados da doença.

Desde o início do surto da doença, no mês de fevereiro, o município confirmou 562 casos. No total, Manaus tem 4.471 notificações de sarampo, o que inclui todos os 562 casos confirmados, os 3.762 casos suspeitos e que estão sob investigação (aguardando o resultado laboratorial), e 147 que foram descartados.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi, o Informativo Epidemiológico é divulgado semanalmente pela Semsa, sempre na segunda-feira, e apresenta informações sobre as notificações de sarampo em Manaus, com o quantitativo de casos confirmados, suspeitos e descartados, a taxa de incidência, faixa etária mais atingida e a taxa de notificação por Distrito de Saúde (Norte, Sul, Leste, Oeste e Rural).

“A consolidação das informações permite um melhor planejamento das próximas ações de combate ao sarampo, reforçando o trabalho de acordo com o que o informe aponta em relação a questões como maior incidência por bairro ou faixa etária”, explica Marcelo Magaldi.

Distritos

O 21º Informativo Epidemiológico de Monitoramento dos Casos de Sarampo mostra que o Distrito de Saúde (Disa) Norte ainda registra o maior número de notificações, com um total de 1.701 casos notificados (38%). Em seguida, há o Disa Leste com 1.506 notificações (33,7%), Disa Sul com 604 (13,5%), Disa Oeste com 599 (13,4%) e Disa Rural com 61 (1,4%).

Faixa etária

Em relação aos 4.471 casos notificados, as faixas etárias mais atingidas são a de 20 a 29 anos, representando 25,6% das notificações, e a de 15 a 19 anos, com 22,1%. Já referente aos 562 casos confirmados, a faixa etária com maior número de casos é a representada por crianças menores de um ano (27,8%), seguida de crianças de um a cinco anos (19,9%).

— — —

Texto: Eurivânia Galúcio/Semsa

Foto: Altemar Alcantara/Semcom

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: