30.2 C
Manaus
Manaus, 23 de outubro de 2018

Equipe da Globonews é agredida a pedradas ao vivo no RJ

Uma equipe de reportagem da Globonews foi agredida a pedradas na manhã desta quinta-feira (7), no Rio. O repórter Edivaldo Dondossola fazia uma entrada ao vivo por volta das 7h em frente à favela da Rocinha, na zona sul da capital fluminense.

Ele reportava sobre duas operações policiais que ocorrem desde o início da manhã na Rocinha e também região de Jacarepaguá, zona oeste.

Enquanto ele dava detalhes das operações, uma van ainda não identificada passou no local e os ocupantes atiraram pedras contra a equipe.

O cinegrafista Henrique Lima foi atingido na mão e o repórter, na perna. Nenhum dos dois teve ferimentos com gravidade.

A cena passou ao vivo no canal a cabo, durante o jornal que vai ao ar no início da manhã. Dondossola falava com a apresentadora Cecília Flesh, quando a a van passa na rua. No vídeo é possível ver quando a câmera, que estava focada no profissional, trepida e perde o foco. O repórter olha para o lado e a apresentadora pergunta o que havia acontecido.

“Perdão, jogaram uma pedra aqui na nossa equipe, Cecília”, diz ao vivo. Com informações da Folhapress.

Segundo funcionários da emissora relataram à reportagem, a ação foi rápida e os profissionais não saberiam dizer o motivo da agressão, nem quem seriam os agressores.

“Nossa equipe acabou de ser atacada, durante uma entrada ao vivo no jornal da Globo News , com uma pedrada. Dondos Sola sentiu a pedrada na perna e o cinegrafista na mão. NÃO PODEMOS ADMITIR ATAQUES A JORNALISTAS DESSA FORMA! Uma pedrada!!!!” posta Cecilia Flesch em sua conta no Twitter.

Notícias Relacionadas

Nigéria pode comprar aviões do Brasil

Celso

PF abre inquérito para apurar origem de munição que matou Marielle e Anderson

Celso

Tênis que se amarra sozinho chega ao Brasil

Suammy Saiury
%d blogueiros gostam disto: