Maldição do vice-prefeito | Arthur comenta saída de Rotta | Gleisi elogia Vanessa e confirma sua candidatura | Saiba mais!

MALDIÇÃO

E as últimas horas foram de bastante ‘burburinho’ nos bastidores da política local, logo após o anúncio da desfiliação do vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta do PSDB. Alguns aliados, relembraram sobre a possível ‘maldição da cadeira do vice’, em alusão as desavenças partidárias entre alguns ex-prefeitos e vice da capital, que chega a ser histórica. Arthur e Rotta não foram os primeiros, e pelo visto nem serão os últimos.

MERCADORIA

Ontem durante o lançamento do projeto Passo a Paço 2018, Arthur Neto comentou sobre a saída de Rotta do seu partido, dizendo que alguns segmentos da política do Estado, “acham que pessoas são mercadorias, fazendo coisas horríveis para ofertas e pagamentos”. “Tudo o que eu espero é que isso não respingue nele (Rotta), por que eu vejo um desespero de alguns” disse o prefeito.

CUTUCADA

Arthur ainda meio ‘rancoroso’, aproveitou para cutucar o governador Amazonino Mendes (PDT), possível novo aliado de Rotta. “Ele (Amazonino) prometeu que não seria candidato a nada, que não seria candidato a reeleição, que iria organizar as finanças. Aprofundou o caos. Houve um aumento de arrecadação e ele diz que normalizou a economia. Nada! A economia do Amazonas está falida” atacou Arthur.

PARCERIA

O PSL do candidato a presidência de Jair Bolsonaro, divulgou uma nota informando que, “após fria análise de todos os cenários e buscando o que melhor se adequa ás diretrizes do partido”, optou por aderir a coligações proporcionais formadas dentro do arco de alianças do governador Amazonino Mendes (PDT). Segundo a nota, o PSL vai integrar um blocão formado pelos partidos PR, PP, PV, PPS, SD, PHS, PTB e PDT, na disputa pelas vagas de deputado federal. E fará coligação com PHS e PTB para tentar eleger candidatos à Assembleia Legislativa. Dentro do comunicado, entretanto, não há nenhuma citação ao candidato majoritário.

OFICIAL

Diante das recentes batalhas travadas entre PT e PCdoB, para a escolha do candidato oficial do PT no Amazonas, a presidente nacional do partido, senadora Gleisi Hoffmann, compartilhou um post afirmando sua predileção por Vanessa. “Que fique claro, a candidatura do PT ao Senado no AM é Vanessa Graziotin!” divulgou ela. Gleisi ainda foi só elogios a Vanessa, dizendo que o PT tem uma dívida com a senadora, durante uma entrevista cedida a uma rádio de Manaus, na manhã desta quarta.

Comente com o Facebook
Input your search keywords and press Enter.
%d blogueiros gostam disto: